domingo, 16 de agosto de 2015

Homenageado por Faustão, Caio Castro sinaliza incômodo com apelação

faustaocaiocastro
Um dos protagonistas da novela “I Love Paraisópolis”, Caio Castro passou por uma situação incomum durante o “Domingão do Faustão”. Destinado a homenageá-lo, o quadro “Arquivo Confidencial” acabou deixando o ator chateado.

A atração mostrou a ajuda que o ator deu a uma menina doente, de origem humilde, cujo sonho era conhecê-lo. Enquanto o público ouvia depoimentos dos pais da jovem e via imagens de Juliane muito debilitada, Castro disse algo a Faustão e mostrou estar muito abalado. Encerrado o VT, o apresentador informou que a garota havia morrido dias antes, mas que a história foi veiculada a pedido dos pais.
faustaocaiocastro2
Juliane morava em Rondônia e tinha como sonho a realização da festa de 15 anos. Poucos meses antes do aniversário, no entanto, a jovem descobriu que estava com câncer. Ficou desanimada e desistiu da festa. Caio Castro soube da história, entrou em contato e se ofereceu para ir até o Norte do Brasil dançar a valsa com ela.

Foi um momento de apelação exagerada, que claramente poderia ter sido evitado. O programa não tinha a obrigação de exibir a situação mesmo que a pedido dos pais da jovem (a cena pode ser vista aqui).
Antes, o Grego de “I Love Paraisópolis” passou por outra “saia justa” ao ouvir o depoimento de uma ex-professora. Muito sincera, ela disse que Castro era mau aluno (dormia em aula e cometia “erros de português grotescos'') e que teve sorte de fazer sucesso como ator, “porque na escola não vai dar, não''. “O dez que eu tirei ela não lembra'', resmungou o ator ao final do depoimento da mestra.

Colaborou Gilvan Marques. As imagens publicadas aqui são reproduções da tela da Globo publicadas no Twitter pelo perfil @RealitySocial.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...