sexta-feira, 31 de julho de 2015

Caitlyn conforta família após suicídio de transgênero

Caitlyn conforta família após suicídio de transgênero - Reprodução
Caitlyn Jenner escreveu um post em sua conta do WhoSay, segunda-feira (27), sobre Kyler Prescott, um menino transgênero de 14 anos que se suicidou em maio. Kyler e sua trágica história foram mencionados durante a premiere da série-documentário de Jenner, I Am Cait, no domingo (26).

No post, Jenner diz que após ouvir sobre Kyler, que sofria de depressão, ela foi se encontrar com a mãe dele, Katharine Prescott, em San Diego. "Ela amava e apoiava seu filho de diversas maneiras, incluindo mudar o nome e o gênero de Kyler legalmente", escreveu Jenner. "Infelizmente ele se suicidou há dois meses. Três dias depois, Katharine recebeu a nova certidão de nascimento dele pelo correio".

Cait continuou dizendo que é 'muito difícil viver como transgênero': "Muitas pessoas, principalmente crianças, não entendem como podem ser eles mesmos e manter suas famílias, empregos e casas", escreveu.

Jenner também deixou a mãe de Kyler, Katharine, usar o post para contar a história de seu filho, e a mãe em luto agradeceu Jenner por se comprometer a mostrar os problemas da comunidade trans.

"Quando conheci Caitlyn fiquei impressionada com sua sinceridade. Eu podia ver que a vontade dela em ajudar os transgêneros era autêntica", disse Katharine, acrescentando: "Ela é adorável. O bom é que pessoas como Caitlyn estão começando a espalhar a palavra. Isso não é algo passageiro. É para sempre. Precisamos ajudar cada transgênero a serem eles mesmos. Ninguém deveria negar isso", pediu a mãe do jovem.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...