sábado, 3 de maio de 2014

Corpo de Mãe Dináh é enterrado em São Paulo; vidente morreu aos 83 anos

Familiares e amigos acompanham na tarde deste sábado o sepultamento do corpo de Benedicta Finazza, conhecida como Mãe Dinah, no cemitério da Paz, no Morumbi, em São Paulo

Familiares e amigos de Benedicta Finazza, mais conhecida como Mãe Dináh, acompanharam na tarde deste sábado (3) o sepultamento do corpo da vidente, no cemitério da Paz, no Morumbi, em São Paulo.
Mãe Dináh morreu na última sexta-feira, aos 83 anos. A vidente deu entrada no Hospital da Luz, na Vila Mariana, no último dia 30, com infecção intestinal. A infecção evoluiu rapidamente e a vidente morreu em decorrência de falência múltipla dos órgãos, informou a família ao UOL.

O velório, fechado para a família, começou às 8h deste sábado. O corpo foi sepultado pouco depois das 15h.

Na década de 90, Mãe Dináh ganhou notoriedade ao participar de diversos programas de TV. Uma das previsões mais famosas da vidente foi a morte da banda Mamonas Assassinas, em 1996. Entre as previsões que não se concretizaram, a mais famosa diz respeito ao piloto Ayrton Senna, cuja morte completou 20 anos na última quinta (1º): em 1994, Dináh previu que Senna teria um ótimo ano; no entanto, ele morreu ainda no início do campeonato de F1, sem vitórias.
Em seu site, a vidente ainda afirmava ter previsto outros fatos marcantes, como as mortes de Elis Regina e Clara Nunes, o namoro de Xuxa com Senna, a derrota do Brasil na Copa de 1990 e o tsunami no Japão em 2011.

Ainda de acordo com seu site oficial, ela nasceu em São Paulo, filha de pai italiano e bisneta pelo lado materno de tupis-guaranis, e passou a infância no bairro do Paraíso. Aos 3 anos começou a demonstrar suas habilidades sensitivas para a família, o que de início assustou os pais, muito católicos. Aos 13 anos, a menina Benedicta começou a dedicar-se à atividade de vidente, passando a atender não apenas familiares, amigos e conhecidos.

Em 2013, a vidente protagonizou alguns comerciais da nova MTV, nos quais ironizava suas próprias previsões e falava do futuro da emissora.

Galisteu revela três sonhos de Senna e briga no dia da morte

A convivência de aproximadamente 18 meses foi o suficiente para fazer de Adriane Galisteu um dos nomes mais lembrados quando o assunto é o tricampeão mundial Ayrton Senna. Aos 20 anos, começou a namorar o piloto, abandonou a profissão de modelo e foi rodar o mundo com o homem que se tornou um dos mais carismáticos da história do país.

Sua vida mudou não só naqueles 18 meses, mas para sempre. "Eu era a menina que morava na Lapa e que de repente estava jantando com celebridades em Mônaco", falou ao se assustar com ascensão repentina. Meses depois da morte do ex-namorado, lançou uma biografia sobre a história de ambos.

Virou apresentadora, atriz, modelo e posou nua. Passo a ser celebridade no Brasil. Sobre os que criticam o fato de ter alavancado sua imagem em cima da morte de Ayrton, apenas a compreensão. "Eu não me incomodo. Fui reconhecida a partir do acidente, mas o resto que fiz não foi sombra dele. Fui atrás do meu próprio trabalho", afirmou.

Em entrevista exclusiva ao UOL Esporte, Adriane fala sobre algumas intimidades de Ayrton, como os três sonhos que ele tinha na vida e que não conseguiu realizar. Fala como ajudou o ex-piloto a se tornar uma pessoa mais relaxada - pessoas próximas sempre relataram um Senna mais "light" durante o namoro com ela.

Adriane também fala sobre a relação fria que teve com a família do tricampeão, que nunca escondeu a antipatia pela modelo - no enterro é possível ver uma afinidade maior com Xuxa, ex-namorada do piloto.
UOL Esporte: Como era a sua relação com Ayrton, o que você mais lembra dele?

Adriane Galisteu: Pra mim é inesquecível. Eu vivi como mulher e ser humano. Essa história me pertence. Fico emocionada a cada história que vejo. Mexe muito comigo. Me sinto privilegiada por ter convivido um ano e meio com ele e ver o quão ele era especial. Ele faz falta como ser humano. Ele faria diferença em qualquer outro esporte. Ele era diferenciado. Era um ser extremamente simples. É uma perda irreparável para nós brasileiros, não só para o esporte. Ele era um cara que dizia "eu não preciso mostrar pras pessoas que sou bonzinho". Isso era uma das coisas boas dele. Era uma pessoa que sempre queria ajudar as outras, era muito especial.

Você foi uma pessoa que dizem tê-lo deixado mais "light". Como fez isso?
Ele era um homem jovem e alegre dentro de casa. Mas vivia situações tensas. Ele ficava nervoso, tinha uma relação não muito boa com a imprensa, exceto com algumas pessoas que tinham entrada com ele. Às vezes ele estava tão focado que não percebia uma pessoa da escuderia querendo falar com ele, por exemplo. E eu falava ´Ayrton, tem uma pessoa com uma camisa na mão ali querendo um autógrafo faz 40 minutos´. Isso não era problema pra ele, mas ele não prestava atenção. Eu fiz com que ele encarasse tudo isso de uma maneira mais leve. A vida dele tinha muita responsabilidade. Era uma reunião em cima da outra. Sufocava mesmo, tinha pouco tempo pra ele e muito pro trabalho. Ele ficava tão focado que não reparava nas coisas ao redor. Acho que sou responsável sim por um momento mais leve. Eu pegava no pé dele pra ele ficar de férias de verdade, sem fazer reunião nas férias

Tem alguma situação marcante que a maneira focada dele atrapalhou na vida pessoal?
Ele tinha três sonhos que morreu sem realizar: conhecer a Disney (em Orlando), correr na Ferrari e ter um filho. Quando a tragédia toda aconteceu, tudo isso me veio à cabeça. Eu lembro muito dessa coisa, desses sonhos que não foram realizados e eram tão simples para um campeão mundial. A Ferrari era o carro que mais corria na época. Eu perturbava ele pra conhecer a Disney. E eu fui pra lá e volto direto até hoje. Vou quase duas vezes por ano. Aprendi para minha vida o seguinte: não vamos deixar nossos sonhos pra serem realizados para amanhã. Os sonhos que dependem só da gente, claro. Por que não fazê-los agora? Não sabemos o dia de amanhã. Nós nunca falamos sobre ter filho. Ele falava "quero ser pai", mas não que ele dizia "eu quero ter um filho com você". Era um sonho dele de ser pai. E eu falava "nas próximas férias nós vamos para a Disney". Dizia que o ajudaria a realizar os três sonhos.

O Ayrton estava muito apreensivo naquele fim de semana?
Falei com ele minutos antes da prova, o que achei estranho. Falamos de manhã e dez minutos antes de começar a corrida. E dez minutos antes das provas ele não falava com ninguém. Aquela corrida não era para ter acontecido. O acidente do Rubinho e a morte do Ratzenberger tinham o atormentado. Eu me lembro de ter falado "Ayrton, você é o único cara que pode não correr. Não corra." Ele ficou muito bravo comigo. Brigou comigo e passou a falar que eu estava ofendendo ele, que não tinha cabimento aquilo. Eu falava "você esta completamente descontrolado." Ele não estava legal. Tomei uma bronca tão grande. Ele falava "como não vou correr? Se eu não correr, não ganho essa corrida e não ganho campeonato". Ele fez contas que se não ganhasse, ficaria difícil o campeonato. Ele reclamava do carro ,que estava duro e difícil e não havia pontuado ainda.  Aí ele falou "vou correr sim". E eu disse "então está bom". Fiquei mal humorada. Não queria que ele corresse.

Como foi sua reação ao saber do acidente e a da notícia da morte?
Quando ele bateu, eu desliguei a TV e fui tomar banho. Não dei a menor importância para a batida. Tive uma sensação de alivio e pensei "graças a Deus essa corrida infernal acabou".  Eu não tinha noção da gravidade naquele momento. Já tinha visto ele bater tantas vezes. Naquele momento, ali pra mim, a porrada não tinha sido (visualmente) diferente das outras. Eu não tinha noção do que estava acontecendo. Quando voltei do banho, percebi que tinha algo errado. E quando eu vi aquela imagem me deu um negócio...pensei "ele quebrou as pernas, por isso não sai do carro". Em nenhum momento pensei que ele poderia ter morrido. Comecei a acompanhar e ver tudo o que estava acontecendo. Foi um momento muito duro e inesquecível. O ano de 1994 foi horroroso pra mim, pois no 1º de maio o Ayrton morreu e dia 5 recebemos a notícia de que meu irmão tinha Aids.  E ele faleceu em 1996. Foram dias terríveis. Quando saí de Portugal para Ímola, fiz uma mala com escova de dente, muda de roupa. Na minha cabeça ele não estava morto, fiz uma mala pra ficar uns dias no hospital. E quando o avião estava decolando, tinha uma ligação pra mim no aeroporto. Era o Braga (Antônio Carlos, amigo e patrocinador de Ayrton que estava no hospital). Eu tinha certeza que ele estava vivo. Quando atendi, perguntei: "ele está muito machucado?". E o Braga, para me colocar no lugar, já falou: "ele está morto". Foi para me colocar no lugar, ele percebeu que eu estava em um estado diferente. Me deu um branco, não sei como cheguei no carro. Nunca voltei para pegar a mala de roupas. Voltamos de carro e eu não parava de chorar. Foram momentos inacreditáveis, muito difícil.

Como você encara as críticas dos que dizem que se aproveitou da relação para ter mais exposição?
Eu carrego essa história como um orgulho pra mim. Dos melhores aos piores momentos. Quando as pessoas falam isso, eu digo que nunca montei barraquinha pra vender coisa dele. Eu vendi (um livro sobre ele) para sobreviver a minha história do lado dele, e não vão tirar isso. Eu vivi com ele. Automaticamente pedi para parar a venda da edição quando consegui me sustentar. Se hoje ainda estivesse vendendo o livro, venderia muito bem. Era o diário de uma menina de 21 anos. Ganhei meu primeiro dinheiro com o livro, e na sequência fui ganhar com o meu trabalho. Fui reconhecida a partir de um acidente, mas o resto todo que eu fiz não foi sombra dele. Fui atrás do meu próprio trabalho. O livro tem dia e hora pra acabar. E eu fiz a Playboy porque o dinheiro me fez pagar dívidas, comprar apartamento e depois parei de publicar o livro. Eu não me incomodo [com as críticas]. Não carrego como fardo, mas sim como um escudo. Vou carregar eternamente e sempre prestar homenagens. Meu marido sabe a importância dele na minha vida. Não podemos deixar a história dele acabar.

Como era sua relação com a família do Ayrton? Tinha problemas?
Era ótima, porém distante. Ele é um cara que respeitava a família, a instituição família. Mas ele era um homem que não morava aqui. Ele passava dias aqui no Brasil. No último um ano e meio que vivemos juntos, viemos ao Brasil umas três vezes. Em uma ida pra Angra dos Reis a família dele nem foi. As outras vezes foram encontros bem rápidos. A base dele era em Portugal, Algarve, em Mônaco, e em Londres. A família sempre me tratou muito bem. E na época eu sempre falei "a minha relação é com ele". Ele morreu e não tenho mais vínculo. Eu me encontro socialmente com a Viviane (irmã), o Leonardo (irmão), nos cumprimentamos socialmente. Se eu tivesse filho com ele, era diferente. Então, assim, não tenho nenhum outro vínculo.

Uma biografia do Ayrton diz que o Leonardo sabia de uma gravação sua por telefone e que isso teria motivado uma briga com ele. É verdade?
O que tem fundo é o que falei. Ele brigou comigo porque eu falei para ele não correr. Foi o único esporro que tomei dele. O grilo que ele estava era da corrida. Se o Ratzenberger morreu na pista, não deveria ter corrida. Foi isso. E ele ficou bravíssimo.

*Colaborou Marcelo Freire

Bailarina de Latino é baleada no Rio: "Estou arrasado"

Reprodução/Facebook
Bailarina do cantor Latino, a paranaense Ariany Nogueira, conhecida como Aryoncé, foi baleada no Rio de Janeiro em uma tentativa de assalto.

A informação foi divulgada pelo próprio Latino, que disse estar "arrasado" com a violência sofrida pela colega de trabalho.

"Gente, eu estou arrasado!!! Minha dançarina Aryoncé acabou de levar um tiro no abdômen na Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, a caminho do nosso encontro pra viagem de um show em Guarapari, no Espírito Santo. Só o que sabemos é que foi numa tentativa de assalto. Socorroooo!!!", lamentou.

"Orem muito por ela,a menina mora no Rio sozinha e seus familiares nem sabem ainda. Estou sem estrutura e sem chão", completou.

Sem risco de morte

Ariany está internada no hospital Lourenço Jorge, no Rio de Janeiro, e não corre risco de morte. A bailarina deverá ter alta já neste domingo, 4. De acordo com a assessoria de imprensa do cantor, Ariany foi atingida pelos assaltantes quando estava a caminho de uma viagem com equipe de Latino para Guarapari. A bala entrou pelo seu abdômen e ficou alojada na prótese de silicone em seus seio.

Ainda de acordo com a assessoria, Latino já está em Guarapari (ES) para cumprir sua agenda profissonal, mas tem acompanhado o caso mesmo a distância e teria pedido à sua mulher, Rayanne Morais, que prestasse todo o suporte para a bailarina em sua ausêcia.

Pouco depois, o próprio Latino voltou ao Instagram para falar sobre a companheira de trabalho.

"Obrigado pelas orações de todo Brasil pra nossa negra bombom Aryoncé. Ela foi operada, e já esta num quarto esperando pra receber alta provavelmente amanhã. Se Deus quiser!!!", afirmou.

O cantor, que também foi criticado por alguns internautas por dar a notícia no Instagram antes mesmo de dar a notícia para a família da modelo explicou porque tomou tal atitude.

"Não comuniquei a família porque não tínhamos contato de ninguém, como todos da família dela nos seguiam no Insta então achei que aqui seria uma forma de contato. Graças a Deus eles entraram em contato e já foram informados pelo ocorrido, agora é esperar pra ver se não vai haver nenhum tipo de infecção pós operação. Ela está sob observação médica. Obrigado hospital #LourencoJorge pelos cuidados a uma das nossas mais carismáticas dançarinas. Valeu Elaine, nessas horas a gente vê quem é quem", comentou, agradecendo o apoio de outra de suas dançarinas.

Elaine também deu mais detalhes sobre o estado de saúde da colega de trabalho. "Amizade é tudo! Estou ao lado dela. Ela está descansando. Está bem! Deus é com ela!!!! Obrigada Latino pelos cuidados", afirmou.

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Justiça do Trabalho de Itápolis realiza leilão

A Justiça do Trabalho de Itápolis em conjunto com o leiloeiro oficial Gilson Keniti Inumaru realizam leilão presencial e eletrônico no dia 14 de maio de 2014, a partir das 13:00 horas, na Justiça do Trabalho e com lances online de qualquer lugar do país, pelo site www.leiloesjudiciais.com.br. No evento, serão leiloados imóveis urbanos, rurais e comercial em Itápolis, Tabatinga e Novo Horizonte/SP. Além disso, veículos, máquinas, equipamentos e outros bens fazem parte do pregão, todos os bens com valores abaixo da avaliação. Interessados podem obter informações mais detalhadas pelo site www.leiloesjudiciais.com.br ou então pelo 0800-707-9272.
Jéferson Custodio
Assessoria de Comunicação
(44) 2101-9272
assessoria@leiloesdajustica.com.br
www.leiloesjudiciais.com.br

terça-feira, 29 de abril de 2014

Veja as mamães famosas que tiveram gêmeos

Ter filhos é uma benção, mas cuidar de dois que nascem no mesmo dia exige uma dedicação e tanto. Afinal, os choros e as fraldas, mamadeiras e papinhas são em dobro. As famosas também passam por isso. Conheça algumas delas

Iguaizinhos, Marco e Mássimo, de quatro anos, são os filhos de Suzy Rêgo. Os gêmeos também são herdeiros do ator Fernando Vieira, marido da atriz

Com seis anos, João e Francisco são os filhos da apresentadora Fernanda Lima e do ator Rodrigo Hilbert. Francisco foi o primeiro a nascer com 2,925 quilos e 46 centímetros. Minutos depois, chegou João com 2,555 e 49,5 centímetros

Jennifer Lopez é uma das estrelas internacionais que deram à luz a gêmeos. Os pequenos Max e Emme, de cinco anos, são frutos do relacionamento da cantora e atriz com o ex-marido Marc Anthony

Sarah Jessica Parker é mãe de duas filhas idênticas: Marion e Tabitha, de quatro anos, foram geradas por uma mãe de aluguel. Ao lado marido do Matthew Broderick, Sarah também cuida do primogênito James, de 11 anos

No ar na novela "Em Família", a atriz Giovanna Antonelli é mãe das gêmeas Antônia e Sofia, de três anos. As pequenas também são filhas do diretor Leonardo Nogueira e irmãs de Pietro, de oito anos, fruto do relacionamento da atriz com Murilo Benício

Entre os seis filhos de Angelina Jolie estão os gêmeos Knox e Vivienne, de três anos, frutos de seu relacionamento com o galã Brad Pitt

Atualmente na pele de Silvia, na novela Em Família, Bianca Rinaldi é mãe das gêmeas Beatriz e Sofia. A atriz queria tanto ter filhos iguais que pediu ajuda à tecnologia e fez inseminação artificial. As pequenas têm atualmente três anos

No ar em "Malhação" como uma baita chefe de família, a atriz Isabela Garcia é uma mãezona. Aos 46 anos e mãe de quatro filhos, ela conta com a companhia dos gêmeos Francisco e Bernardo. Os meninos têm oito anos e são fruto de seu casamento com Carlos Thiré

Em 2004, aos 37 anos, a atriz Julia Roberts deu à luz a Hazel Patricia e Phinnaeus Walter. As crianças, hoje, com nove anos, são frutos de seu casamento com o diretor Danny Moder. O casal também é pai de Henry Daniel Moder, de seis

A socialite Val Marchiori é mais uma das famosas que tiveram a oportunidade de dar à luz a gêmeos. Ela é mãe de Victor e Eike, de oito anos, herdeiros do empresário Evaldo Ulinski

Fernanda Young também fez inseminação artificial para ter gêmeos. A atriz e escritora deu à luz às não idênticas Cecília e Stela, suas filhas com o também escritor Alexandre Machado

Monroe e Moroccan, de quase três anos, são filhos de Mariah Carey. Os bebês nasceram em Los Angeles e são fruto do casamento da cantora com o também cantor Nick Cannon

Ator mirim volta para o SBT por salário de R$ 40 mil


Segundo a coluna Outro Canal, do jornal Folha de S. Paulo, Jean Paulo Campos, que tinha sido contratado pela Record e, dias depois, voltou para o SBT, acertou um salário de R$ 40 mil com a emissora de Silvio Santos.

Na Record, ele ganharaia R$ 30 mil. Antes de trocar de emissora pela primeira vez, ele recebia R$ 8 mil para viver o Cirilo de Carrossel. A Record não gostou da volta do seu novo astro para antiga emissora e pretende tirar Larissa Manoela de Silvio Santos.

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Huck é criticado por usar campanha #somostodosmacacos para vender camiseta

Huck
Luciano Huck foi uma das primeiras celebridades a embarcar na campanha #somostodosmacacos, criada por Neymar (e, depois soube-se, por uma agência de publicidade) e que é o principal assunto no dia nas redes sociais.

Logo após Neymar, postou uma foto com a mulher, Angélica, e uma banana, o ‘símbolo’ da campanha. Também mandou uma mensagem de apoio a Daniel Alves, o jogador que gerou toda a história ao comer uma banana atirada contra ele durante um jogo do Campeonato Espanhol.
Até aí, o apresentador tinha mandado bem, entrando em uma campanha anti-racismo, etc e tal. Inclusive foi importante para que ela se disseminasse rapidamente. O problema veio a seguir.

Hoje, a grife criada por ele, a UseHuck, lançou uma camiseta que tem a hashtag e uma banana estampadas. Custa R$ 69.
20140428 Huck
O que o apresentador –ou quem do seu estafe que teve essa ideia– não contava é que a tal camiseta seria um tiro no pé. Uma chuva de críticas ao apresentador começou a ocorrer nas redes sociais, e seu nome também chegou aos trending topics (assuntos mais comentados) do Brasil. Na maioria dos casos, chamando ele de oportunista.
Huck é um fenômeno nas redes sociais. Sua conta no Facebook, com quase 14 milhões de seguidores, é terceira a maior do país, e no Twitter é a oitava maior, com quase 8 milhões. Tanto que, depois de sua participação, várias outras celebridades entraram na onda e fizeram com que a hashtag #somostodosmacacos chegasse ao topo dos trending topics mundiais do Twitter. Só que esse protagonismo tem um outro lado. Esta é a dor de cabeça que ele deve estar sentindo agora.
sim vamo pagar 70 pratas pra loja virtual do luciano huck para defender uma campanha completamente equivocada

Dado Dolabella vai à Justiça contra a Record

Dado Dolabella vai à Justiça contra a Record - Ag.News
O desligamento de Dado Dolabella do casting da Record está longe de ter um fim tranquilo. O colunista Leo dias, do jornal OI Dia, descobriu que haverá uma batalha na Justiça do Trabalho entre o ator e a emissora.

Dado, que tinha contrato até 2017, já recebeu da Record uma notificação de rescisão após suposta agressão a Carlos Henrique Andrade, produtor da novela Vitória, que ainda vai estrear.

O rompimento do contrato gera uma multa e a grande questão é quem irá pagar o encargo: a Record ou Dado. O ator defende que a emissora deve arcar com os custos, já que foi ela quem o dispensou. Porém, há uma cláusula no contrato dos atores que fala sobre mal comportamento, que faz com que gere o rompimento com multa a ser paga pelo artista.

Segundo fontes da coluna, o ator tentou apelar junto a alta cúpula de diretores da Record, porém, de nada adiantou. A situação dele é tão crítica, que não há uma pessoa sequer do elenco a seu favor.

Em seu perfil no Instagram, Dado desabafou.

“Prefiro não acreditar que a Record esteja agindo desta forma. Sem mais comentários”, escreveu.

A assessoria da emissora disse que não vai se pronunciar sobre o assunto. Vale ressaltar, que, ultimamente, a emissora da Igreja Universal tem sido bastante rígida com seus artistas. Ela inclusive tem processado Chay Suede e Sophia Abrahão, ex-Rebeldes que decidiram ir para Globo.

Ana Hickmann volta ao trabalho

Ana Hickmann volta ao trabalho
Ana Hickmann está voltando ao trabalho. Após curtir sua licença maternidade, por dar à luz Alexandre, fruto de seu casamento com o empresário Alexandre Corrêa, a apresentadora está retomando suas atividades.

Nesta segunda-feira (28), Ana postou uma imagem em sua página do Instagram, mostrando o momento em que segiua para seu escritório.

"Voltando para o escritório", escreveu na legenda da imagem onde aparece dentr de seu carro.

Alexandre nasceu em março e Ana se afastou de seus compromissos profissionais desde então, para curtir o bebezinho. Já para o Programa da Tarde, da Record, Ana retorna no próximo dia 12 de maio, ao lado de Brito Júnior e Ticiane Pinheiro.

"Festa para ajudar Marcos Oliver não passou de marketing!”, desabafa Fabíola Monarca

\
Na última quarta-feira (23), aconteceu em São Paulo uma festa para ajudar o ator Marcos Oliver, que está na cadeia pela falta de pagamento de pensão alimentícia. Em declaração a O Fuxico, a esposa do ex-peão disse que o evento todo pareceu uma ideia linda, mas que os rendimentos não chegaram nem perto do esperado.

“Se você faz uma festa solidária, é importante que as pessoas presentes contribuam para a causa, no caso, arrecadar fundos para o pagamento da dívida do Marcos!”, comenta a modelo. “Acontece que não foi bem assim, muita gente entrou de graça, com mais 5, 10 amigos, nenhum pagante, só para fazer presença e falar que está ajudando ele, mas isso não aconteceu por parte da maioria das pessoas!”, desabafou Fabíola, que ressaltou a falta de empenho dos colegas para juntar os 55 mil reais devidos.

“Eu tenho é que agradecer ao João Kleber, que está realmente empenhado em ajudar nessa situação delicada, à Sylvia Design e à Sabrina Boing, que é amiga do Óliver há anos e até chorou quando ficou sabendo da situação dele. Eles realmente estão nos ajudando!”, destacou.

E, na verdade, pareceu que muita gente estava lá mais para ostentar que para, de fato, ajudar o ator. “Gente falando ser amigo do Marcos, mas chegou de carro importado na porta da casa e não contribuiu com 1 real para a dívida, nem pagou para entrar na casa!” – declara Fabíola, que ironiza, no final – “Grandes amigos!”.

Inclusive, a modelo ainda está atrás de pessoas que se compromissaram a ajudar, mas, logo depois do evento, não atendem mais ao telefone: “Teve um amigo dele que chegou para mim e falou ‘Fabi, me avisa o quanto vai faltar, que eu completo!’, mas a pessoa nem me responde mais no telefone ou veio falar comigo!”.

Marcos Oliver está preso desde o começo de abril, por não pagar pensão a uma filha que teve com uma mulher antes de seu casamento com Fabíola. Segundo a modelo, desde que deixou a sexta edição de A Fazenda, na Record, o ator tem feito bicos como pintor na casa de vizinhos, amigos e familiares, por não encontrar emprego fixo como ator ou personal trainer.

Assim que o assunto surgiu na mídia, no programa Cidade Alerta, com Marcelo Rezende, também na emissora de Edir Macedo, famosos como Yudi Tamashiro, Paulo Nunes e ex-peões do reality se comprometeram em ajudar.

Maguila está internado em hospital e respira com ajuda de aparelhos

Maguila está internado em hospital e respira com ajuda de aparelhos - Ag.News
Maguila está internado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, no centro da cidade. Segundo a esposa do ex-lutador, o estado é “muito delicado”, e ele sofre de uma Encefalopatia Traumática, complicação comum entre lutadores de boxe depois de anos no esporte. Além disso, o atleta ainda sofre com Alzheimer desde 2010.

Na manhã desta segunda-feira (28), ela pediu orações e pensamento positivo para o marido.

“Olá, amigos do Face, precisamos de oração para o Maguila! Ele está internado, recebendo alimentação por sonda, num estado muito delicado! Por favor, quem sempre torceu, agora ore. Beijos!”, escreveu Irani Pinheiro.

A última aparição do atleta foi no velório do locutor Luciano do Valle, em São Paulo. Mais magro, ele ainda parecia bem humorado e num estado de saúde tranquilo.

É a segunda vez que Maguila é internado. Em 2012, ele sofreu uma crise da doença e precisou ser sedado para manter o tratamento no setor psiquiátrico do Hospital das Clínicas. De acordo com a Santa Casa, um boletim médico sobre o estado de saúde dele será divulgado no final da tarde desta segunda-feira (27).

domingo, 27 de abril de 2014

Luciano Huck, Angélica e Neymar apoiam Daniel Alves após ato de racismo


A hashtag utilizada foi #somostodosmacacos, que também está sendo repercutida nas redes sociais como forma de repúdio ao fato.
Mais uma vez, um jogador brasileiro foi alvo de racismo no futebol.

Neste domingo (27), durante jogo entre Barcelona e Villareal, válido pelo Campeonato Espanhol, uma banana foi arremessada na direção do lateral Daniel Alves, no momento em que ele se preparava para cobrar um escanteio.

Ao se deparar com a fruta na sua frente, o jogador da Seleção se abaixou, pegou a banana e a comeu, sem qualquer cerimônia. Enquanto mastigava, ele bateu o escanteio.

Rapidamente, vários famosos entraram numa ação em apoio a Daniel Alves.

Luciano Huck, Angélica, Neymar, Thaíssa Carvalho, entre outros, publicaram fotos no Instagram onde apareciam segurando bananas.


Rafaella Santos, irmã de Neymar, posa com amiga 

Repórter da Globo xinga equipe e é esculachada por populares em protesto

Repórter da Globo xinga equipe e é esculachada por populares em protesto
Um vídeo tem rodado as redes sociais desde esta quinta (24) e vem causando polêmica, principalmente no Facebook.
A jornalista da Globo, Bette Lucchese, aparece na cobertura da morte do dançarino DG, que fazia parte do programa "Esquenta", no Rio de Janeiro.
Em dado momento, a repórter tem um ataque de fúria, por ter seu microfone desligado e xinga a equipe: "Para que que desliga essa m****? Não desliga essa m****, cara! P****, não sou eu que desligo esse negócio, não é você que desliga esse negócio? P****, manifestação e vocês desligam esse negócio?".
Algumas pessoas que passavam na rua, ao acreditarem que a jornalista iria defender a ação da polícia na morte do garoto, começaram a gritar palavras de ordem para a reportagem. "Vai editar matéria na p*** que p****! Fora Globo! Vai dizer que UPP é para quê? Vai dizer que a culpa é do trabalhador?", disseram dois populares extremamente revoltados.
Devido aos protestos, a equipe chefiada por Bette Lucchese sai do local e vai para outro, para fazer a mesma passagem.
No Facebook, muitos dizem que a reação das pessoas foi exagerada. Mas o que deu o que falar foi mesmo os gritos da repórter. A grande maioria diz que Lucchese foi extremamente grosseira com sua produção. "Que idiota, para que essa grosseria toda?", disse a internauta Claudia Reis, por exemplo
Procurada pela reportagem do NaTelinha para comentar o caso, a Central Globo de Comunicação disse apenas que "duas pessoas tentaram, sem sucesso, prejudicar a reportagem. A Globo lamenta o ocorrido".
Veja o vídeo:

"Ganho 1 milhão, daí para mais", diz o apresentador Rodrigo Faro


Neste domingo (27), Rodrigo Faro estreia seu novo programa na Record, o "Hora do Faro".
Em entrevista ao jornal "Extra", ele falou sobre o seu atual momento da carreira, onde é considerado o principal apresentador da emissora de Edir Macedo.
Faro disse que não pode reclamar do seu salário, mas que isso não é seu grande orgulho, e sim fazer um bom programa aos domingos: "Estou feliz pra caramba. As coisas foram acontecendo naturalmente, e, quando vi, consegui chegar onde sempre sonhei. Como vocês falaram, eu ganho 1 milhão. É isso mesmo. Daí para mais. Ganho bem, não posso reclamar, não. Mas minha meta não é isso. Minha meta é trabalhar para tentar, com muita humildade, buscar a liderança e fazer um bom programa. Estamos trazendo formatos internacionais grandiosos para brigar de igual para igual com Fausto, que é líder há 25 anos, e meu amigo pessoal".
Ele também comentou sobre a Globo, onde começou a carreira e atuou em várias novelas, como "A Padroeira" e "O Profeta": "Trabalhei 11 anos da minha vida na Globo e deixei amigos lá. Mas eu os entendi. Não tinha espaço para mim como apresentador na emissora, que tem apresentadores incríveis. Então, fui buscar meu sonho em outro lugar".
"Hora do Faro" estreia a partir das 15h15, substituindo "O Melhor do Brasil". O programa terá novos quadros, além do consagrado "Dança, Gatinho".

"Além do Horizonte": saiba qual é o final do ex-bandido Kléber


Mesmo regenerado, o vilão Kléber (Marcello Novaes) não vai ter um final feliz no último capítulo de "Além do Horizonte". Ele não escapa das maldades e crimes que fez durante a trama e acaba preso.
"Além do Horizonte" vai ao ar a partir das 19h30. A novela chega ao fim no dia 2 de maio.
Ele, que sofreu grandes mudanças durante a história e teve sua maldade apagada pelo reconhecimento da partenidade de Fátima (Yanna Lavigne), não vai escapar dos crimes anteriores.
Numa conversa séria com Keila (Sheron Menezzes), ela pede para que Kléber se entregue à policia e ele o faz. É assim o fim do ex-bandido, que passa a receber a visita de Keila na prisão.
LC morre
LC (Antonio Calloni) vai ter um final trágico. O grande vilão da novela escrita por Marcos Bernstein e Carlos Gregório morre após entrar na máquina da felicidade.
Tudo acontece quando o líder da Comunidade escolher o seu próprio destino: testar o grande projeto da Comunidade.
Algo vai dar errado e LC será surpreendido. Ele cai em uma desgraça durante à confusão que tomará a Comunidade com a invasão da "tropa do bem", formada por William (Thiago Rodrigues) e Celina (Mariana Rios), e outros.
A Comunidade e seus laboratórios viram pó, não restando absolutamente nada, inclusive LC, que morre.
Em tempo
No penúltimo capítulo, William leva um tiro para salvar Celina e entre a vida e a morte.
Tudo acontece quando o grupo de Celina e Willian está tentando invadir a comunidade. Os bandidos comandados por Edu Dente de Ouro (Daniel Ribeiro) tentam achar os rivais, quando o chefe chama e sussurra para um de seus homens. "Vamos cercar. Ninguém deixa o pivete escapar, eu tenho contas pessoais pra ajustar com ele. A professorinha também, a minha conta é com os dois", diz, referindo-se ao casal.

Guilherme Leme sobre câncer na garganta: "muita gente tem e eu me curei"

Guilherme Leme sobre câncer na garganta:
Guilherme Leme falou à revista "Quem" sobre um câncer na garganta que descobriu em 2013 e quase morreu por causa de complicações decorrentes de um procedimento médico.
Ele, 52 anos, há um ano se viu em um turbilhão de problemas, contou como superou a doença com otimismo e afirma que aprendeu com a experiência: "Cada dia, cada ciclo é um novo tempo. Estou em um novo tempo da minha vida".
Descoberta
"Fiquei com dor de garganta durante dois anos. Uma dorzinha que começou pequena e foi aumentando. Passei por mais de 20 médicos, mas ninguém descobriu o que era. Fiz todos os tratamentos alternativos que se pode imaginar. A dor ia piorando e eu ia enlouquecendo. Um dia, fui a um médico e questionei se não era câncer. Ele riu e disse que não. Minha clínica geral disse para voltar ao tal médico. Fiz uma ressonância e mostrei a ele, que viu e me disse: 'Por que não me procurou antes?'. Ele fez uma punção e uma biópsia rápida, e deu o resultado. Na hora, foi um baque", afirmou.
Sobre quando recebeu a notícia, Guilherme disse: "sabia que ia dar merda (risos). Ninguém fica dois anos com dor de garganta e um gânglio daquele tamanho. Mas, quando você ouve, leva um susto porque já visualiza um tratamento de câncer, que não é fácil. Mas eu gosto de falar da cura. Muita gente tem a doença e eu me curei".
Ainda na entrevista à revista, o ator comentou sobre os procedimentos dolorosos: "Nesse lugar, no lugar do pescoço, a radioterapia queima lá dentro. A mucosa inflama e sente-se muita dor para engolir. Chegou uma hora que eu não conseguia mais comer. Depois da primeira sessão, abaixou a imunidade. Chegamos à conclusão que seria melhor colocar uma sonda de alimentação... Tive um problema com a minha sonda. O suco gástrico vazou para o peritônio (membrana que cobre a parede abdominal e as vísceras), deu peritonite e septicemia (infecção generalizada por todo o corpo). Fiquei três dias em coma".
Por fim, Guilherme fala da lição de vida que teve com a doença: "É acordar a cada dia com tesão pela vida. Já que estamos aqui, que estejamos bem. Então, o que aprendi, já que estou bem, é aproveitar e fazer o melhor possível. Cada dia, cada ciclo, é um novo tempo. Estou em um novo tempo da minha vida".
Em tempo
Neste domingo (27), o ator estreou como diretor na peça "Trágica.3", no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de São Paulo, com Letícia Sabatella, Denise Del Vecchio e Miwa Yanagizawa no elenco, e com temporadas programadas também para Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília.

Wanessa é agarrada por fã em show em São Paulo

No último sábado (27), Wanessa fez seu último show em São Paulo, antes de se despedir dos palcos, para se resguardar para o nascimento de seu segundo filho, João Francisco. Vale lembrar que Wanessa já é mãe de José Marcus, de 2 anos, fruto do casamento com o empresário Marcus Buaiz.

O show, sem a presença de nenhuma convidada desta vez, ocorreu na Boate LGBT Flexx Club, localizada no bairro da Barra Funda, zona oeste de São Paulo. Bem empolgada, a cantora sensualizou com seus dançarinos e chegou bem pertinho do público, onde inclusive foi agarrada por um fã que invadiu o palco.

Vale ressaltar que nesse projeto feito em parceria exclusiva com a Flexx Club, Wanessa já cantou com Negra Li, Deborah Blando, Lissah Martins (Ex-Rouge), Luiza Possi, Leilah Moreno e Gaby Amarantos. O projeto é mensal, sendo 1 sábado por mês.

O sucesso foi tanto, que Wanessa tinha feito uma parceria de apenas 5 shows, mas pode continuar após voltar aos palcos em 2015.



Sabrina Sato estreia na Record e garante vice-liderança. Veja como foi!

Sabrina Sato estreia na Record e garante vice-liderança. Veja como foi! - Divulgação/Edu Moraes e Antônio Chahestian/Record
Após meses de expectativa, Sabrina Sato estreou como apresentadora da Record. O primeiro Programa da Sabrina foi ao ar neste sábado (26) e deixou a emissora em segundo lugar.

Durante as duas horas e meia em que esteve no ar, a atração assinalou 10 pontos de média e picos de 12 pontos. A Globo, em primeiro, marcou 20 pontos, enquanto que o SBT fechou no terceiro lugar com 5 pontos.

A condução de Sabrina foi elogiada não só por amigos famosos da apresentadora como também pelos telespectadores. Bastante segura e com o carisma que todos conhecem, a japa recebeu a cantora Anitta como atração musical.

Ao comentar as recentes cirurgias estéticas da cantora, Sabrina definiu:

“Você ficou ainda mais gata, ficou com cara de rica!”, brincou.

O Porta dos Fundos também marcou presença e com direito a João Vicente de Castro, namorado de Sabrina e um dos integrantes do grupo de humoristas, tascando um beijo na amada. Uma entrevista com Tom Cavalcante fechou com chave de ouro.

Antes, na abertura,Sabrina visitou um comércio popular na Vila Prudente, em São Paulo, e ficou pertinho das pessoas, interagindo com elas. No palco, chamou atenção o game Meu Marido é o Cara. Tratava-se uma gincana, típica de programas de auditório, no qual quatro casais disputam o prêmio de R$ 5 mil.

Pelas redes sociais, famosos repercutiram a estreia do Programa da Sabrina:

Ivete Sangalo: “Linda! Boa sorte, amada, querida e talentosa!”

Rafael Cortez: “Também estou vendo o Programa da Sabrina, estreando agora na Record! Muito sucesso e muito boa sorte. Detona, Japa”

Fernanda Motta: “A Sabrina está mandando muito bem, merece todo sucesso, dedicada, intensa, carismática. Muito orgulho!”

Matheus Mazzafera: “Sabrina, que show você está dando! Parabéns!”

Adriane Galisteu: “Amada. Parabéns. Linda sempre!”

Tom Cavalcante: “Sabrina, hoje na estreia do teu programa quero dizer que é uma alegria estar junto de você e desejo cada vez mais sucesso!”

Sobre a audiência, os números são relativos à aferição prévia do Ibope. Cada ponto equivale a 62 mil domicílios da Grande São Paulo.

Regina Duarte visita o neto em maternidade no Rio


A atriz Regina Duarte passou a tarde deste domingo, 27, ao lado de seu novo neto, João Gabriel, filho de João Gomez e Regiane Alves. Ela foi visitar o bebê na maternidade Perinatal, no Rio de Janeiro. Simpática, a artista fez sucesso entre os fãs que passavam na porta do hospital e aceitou tirar fotos com todos pela janela do carro.

Regiane Alves deu à luz seu primeiro filho no último sábado, 26, às 7h27. O menino veio ao mundo através de uma cesariana, pesando 3.830 kg e medindo 50 cm. O bebê é fruto de seu casamento com João Gomez, filho de Regina Duarte.

Em seu Instagram, a mamãe festejou o nascimento do filho:"Agora somos uma família. Bem vindo meu amor"

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...