segunda-feira, 7 de julho de 2014

Edson esclarece confusão com namorada de Hudson e diz que cantor está lúcido: "Muito triste"

Edson fala sobre a situação do irmão, Hudson, internado compulsoriamente em clínica de reabilitação, e nega acusações da namorada dele, Thayra Machado, que está proibida de vê-lo após suposto escândalo em clínica: "Ele está lúcido e ciente do que acontece"

O cantor Edson, da dupla sertaneja Edson & Hudson pronunciou-se  nesta segunda-feira, 17, sobre a confusão envolvendo o estado de saúde do seu irmão, Hudson, internado desde março para tratamento de dependência química e Thayra Machado, namorada do cantor.

"Muito triste passar por tudo isso, sabendo o que de fato aconteceu. O Hudson precisa de tratamento e isso é inegável. Nossa família está unida, lutando pela recuperação do meu irmão. Rezo para que ele saia logo, para que possamos voltar aos palcos juntos. As pessoas, o público e os fãs que amam o Hudson querem vê-lo curado e livre de tudo isso! Peço a união dos fãs neste momento. Amo meu irmão e sei que tudo isso irá passar", afirmou o cantor, que explica que o cantor está lúcido e ciente do tratamento.

A assessora do cantor, Bianca Ceará, também aproveitou para esclarecer as acusações de  Thayra de que estaria impedida por Edson de ver o sertanejo e de que ele estaria sendo dopado e mantido na clínica à força e por um período maior do que o necessário.

Internação compulsória e sem previsão de alta

"Nada disso é verdade. O Edson, aliás, nem tem nada a ver com isso, a Thayra está enganada. O que acontece é que o Hudson estava internado desde março e o pai dele, Jerônimo Silva, achou que a clínica em que ele estava não trazia resultados satisfatórios. Diante disso, reuniu diversos laudos médicos e pediu ao juiz uma internação compulsória em outra clínica. O pedido foi atendido e o Hudson foi transferido, seguindo em reabilitação. O estado dele é grave no sentido de que não pode sair de lá e está sem previsão de alta. O Hudson está sendo submetido a um tratamento intensivo, mas obviamente não corre risco de vida ou nada do tipo", esclareceu.
A assessora da dupla também explicou porque Thayra não está podendo visitar o namorado na nova instituição. "O que a Thayra está fazendo, lançando essas acusações falsas, é uma atrocidade. O que aconteceu é que ela fazia visitas regulares a ele sem qualquer problema. Da última vez que foi, chegou em um dia diferente do determinado para visitas e causou um escândalo. Thayra gritou muito, tentou tirar o Hudson à força da clínica e chegou a chamar a polícia, causando transtorno não apenas para o Hudson, como para outros pacientes com suas atitudes impulsivas e agressivas. Ela está tão fora de si que acusa o Edson da internação quando o pedido veio do pai dos dois - e foi acatado pelo juiz. As visitas delas estão proibidas enquanto ela tiver esse tipo de comportamento porque ele precisa de paz e tranquilidade para seguir se tratando. Não é nada pessoal: qualquer pessoa que tivesse esse tipo de atitude durante as visitas seria imediatamente proibida de vê-lo", completou.

Bianca esclareceu ainda que, nesse momento, somente o pai dos sertanejos, Jerônimo, está tendo acesso ao filho, mas que novas visitas, incluindo a do irmão, Edson, serão liberadas em breve. O sertanejo estaria, inclusive, muito abalado com as acusações de Thayra.
"Edson tem chorado muito e está abalado"

"Ele tem chorado muito, está chateado e abalado. Todo mundo que acompanha a dupla sabe do amor e da devoção que ele tem pelo irmão. Edson está, inclusive, terminando um álbum que vai se chamar De Edson para Hudson, em homenagem ao irmão. A gente viu o que aconteceu com nomes como Amy Winehouse e Chorão, que não receberam tratamento médico. O Hudson tem que se tratar para não ter o mesmo fim. A Thayra não percebe isso", explicou.

A assessoria também rebateu as acusações de que Hudson estaria dopado. "Isso é mentira. O Hudson está extremamente lúcido e ciente do que acontece, e está muito triste com essa situação. Acontece que é preciso ter paciência, o tratamento não se faz do dia para a noite", finalizou.

Nesta segunda-feira, 7, a clínica em que o sertanejo está internado também se pronunciou através de comunicado oficial:

"A Clínica de Reabilitação em dependência química informa que o paciente Hudson Cadorini Silva, encontra-se internado nesta instituição sob os meus cuidados médicos, após ação de internação compulsória, movida pelo pai, Jerônimo Silva. O paciente segue quadro estável de saúde, ainda em processo de investigação diagnóstica e sem condições de alta.

O tratamento médico oferecido está dentro dos padrões internacionais. O paciente e seu representante legal, Jerônimo Silva, são informados periodicamente sobre a importância de todos os processos terapêuticos oferecidos e significados dos resultados dos exames estabelecidos.

Devido a natureza e gravidade do seu quadro, as visitas seguem padrão igual ao qualquer estabelecimento de saúde que preste assistência a pacientes internados, havendo a necessidade de algumas restrições, por provocarem transtornos emocionais, o que acarretaria malefícios significativos ao tratamento e a recuperação.

Acusações de abusos e má conduta são infundadas. Farta documentação médica está à disposição da família e do paciente a qualquer momento e quando dá alta".

Dr. Fábio Roberto de Oliveira Pinheiro

Médico Psiquiatra - CRM 53.924

Entenda o caso

Recentemente, Thayra Machado, namorada do cantor, resolveu vir a público desabafar sobre a situação do sertanejo. Em um vídeo publicado no YouTube, ela afirma que está impedida de ver o noivo, internado em uma clínica para dependentes químicos.

Thayra acusa Edson de manter o irmão na clínica por um tempo maior do que o combinado, contra a vontade dele. "Estou gravando esse vídeo porque cheguei no meu limite e pra mim não dá mais. Em março desse ano minha mãe internou o Hudson, a gente conversou bastante com ele e ele viu que realmente tinha necessidade desse tratamento. Só que o combinado com ele foi um prazo de três meses, ele concordou e aceitou. Só que o Edson não gostou dessa clínica que a gente tinha colocado ele e pediu transferência para uma clínica que ele dizia ser melhor e que ele fosse responsável pelo Hudson", explica Thayra.

"Só que de lá pra cá tudo foi ficando mais complicado. Eu vi o Hudson apenas três vezes esse ano, ligações sempre foram proibidas, eu não conversei com ele esse tempo todo. As cartas que antes eram permitidas agora também já não podem mais. Da última visita que tive ele estava contando nos dedos os dias que faltavam para ele ir embora e quando completou essa data eu fui buscar ele junto com meu padrasto, que era o médico particular dele aqui fora. Só que impediram a nossa entrada e falaram que ele não estava mais nessa clínica", continua.

"Como que eles transferem o Hudson de clínica e não me dão satisfação, eu que sou a muher dele? Da mesma forma que eu estou impedida de entrar na nossa casa onde eu morei com ele por um ano, minhas  coisas ainda permanecem lá dentro", desabafou

Thayra fez outras acusações. "Eu estou aqui para falar pra vocês que agora o Hudson está internado contra a vontade dele e que devido aos fortes medicamentos que ele está tomando ele já não está conseguindo tocar guitarra com a mesma agilidade que ele tinha antes, porque ele fica dopado a maior parte do tempo. A maior vontade dele dentro da clínica era de poder sair e ensaiar e fazer o que ele mais gosta de fazer que é tocar guitarra ficar em cima do palco fazendo show".

O vídeo também conta com uma gravação do sertanejo, feita de dentro da clínica. Hudson faz uma declaração de amor à mulher e diz que beija a aliança todos os dias. "Espero que você tenha paciência de me esperar, porque realmente o meu maior sofrimento é a sua falta. Gostaria de dizer que te amo muito e a vida daqui pra frente será de bênçãos e alegrias. Não sei quanto tempo vou ter que ficar aqui, mas espero que que você me espere de braços abertos. Nunca amei uma mulher na minha vida como amo você", diz o sertanejo.

Thayra encerra o vídeo pedindo que os fãs compartilhem a mensagem. "Acredito que mais uma vez o Hudson esteja sofrendo uma injustiça muito grande. Acredito que não só eu, como todas as fãs merecem esclarecimento do que está acontecendo com ele. Eu quero o meu marido de volta", diz.

Quando o cantor foi internado, em março, a assessoria do artista divulgou uma nota à imprensa contando que ele passaria por um tratamento intensivo. “Preciso me curar e este é o momento decisivo na minha vida. Peço o apoio e as orações de todos os nossos fãs e amigos. É uma batalha muito difícil de ser vencida, mas estou determinado”, disse Hudson na ocasião. Edson segue cumprindo a agenda de shows da dupla e fez questão de apoiar o irmão. “Partiu dele a necessidade e a vontade do tratamento e eu apoiei. Além de irmãos, somos amigos, parceiros, e tenho um amor imensurável por ele. Tenho certeza que, em breve, e com fé em Deus, estaremos juntos novamente”, endossou no comunicado oficial.

Em 2013, Hudson foi detido por porte ilegal de armas. Em 2012, o cantor sofreu um duro golpe, com a morte da ex-mulher, Letícia Lopes. A jovem morreu com um tiro na cabeça na concessionária do pai, em Limeira, no interior de São Paulo. Na ocasião, Hudson afirmou estar muito abalado com o acontecido.

Hudson e Edson chegaram a terminar a dupla sertaneja e seguir caminhos profissionais separados, mas voltaram a atuar como uma dupla.  Na ocasião, Edson chegou a tatuar o nome de Hudson no braço, como forma de homenagear o irmão.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...