sábado, 28 de junho de 2014

Antônia Fontenelle diz que viveu amor de Copa em 94: "Paixão avassaladora"

Antonia Fontenelle assiste ao jogo do Brasil e Croácia em hotel no Rio de Janeiro
A Copa do Mundo de 94 foi a mais marcante na vida de Antônia Fontenelle por três motivos: o Brasil foi tetracampeão, foi a primeira vez que ela assistiu ao mundial no Rio de Janeiro e por ter vivido um amor de Copa.

"Uma amiga me apresentou um amigo dela, que era um californiano, e eu estava recém-chegada no Rio de Janeiro e conheci esse menino lindo e foi aquela paixão avassaladora, a gente não se desgrudava, fizemos loucuras de amor", lembra.

Na ocasião, a atriz estava com 22 anos, começava no teatro e descobria as maravilhas de uma cidade grande, já que ela viveu a infância e adolescência no sertão do Piauí.

"Vivi esse amor intenso, depois ele foi embora e foi aquela tristeza horrorosa, a gente se correspondeu por dois meses ainda. Me marcou muito, foi a primeira no Rio, nunca tinha visto essa festa toda, morava no sertão, assisti com amigos, comecei no teatro, fiz amigos novos, foi muito marcante", conta.

Na Copa atual, Antônia torce pelas seleções de países que têm menos estrutura. "As seleções mais sofridas são as que eu gostaria de ver mais bem colocadas. É muito fácil torcer para Alemanha, França, Estados Unidos, para países que têm toda uma estrutura. Aí você vê essa seleções menores, com dificuldades, na briga, é muito legal".

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...