quinta-feira, 15 de maio de 2014

Ex-ator da novela "Carrossel" vira cantor e investe no funk ostentação

A vida de artista de Lucas Santos começou em 2009 com pequenos papéis na TV quando ele tinha somente oito anos. Com 11, se tornou o vilão Paulo Guerra na novelinha do SBT "Carrossel" ao lado de Cirilo (Jean Paulo) e Maria Joaquina (Larissa Manoela). Agora, aos 13, ele deixou de lado o ar angelical e embarcou na carreira de cantor misturando um ritmo pop ao funk ostentação.

Lucas cresceu, usa looks despojados e canta sobre "carrões, night, meninas" e "dólar" na música "Novinha Sapequinha". Para completar o pacote, tem a supervisão do produtor musical Arnaldo Sacomani e aulas de canto com o mesmo professor do cantor Thiaguinho.

"Sair do 'Carrossel' foi uma transição interessante para eu deixar um pouco de lado a carreira de ator para focar em cantor. Comecei a gostar da área musical e pedi aos meus pais para me colocarem nas aulas de canto", disse o garoto, que está gravando o seu primeiro álbum e lançará em agosto.

Mesmo tendo uma batida de "tchu tcha" em suas canções, o pai de Lucas, Jefferson Santos, prefere não chamar o garoto de funkeiro. Isso porque, de acordo com ele, o menino tem muitas fãs que vieram da novela e não gostam do ritmo musical.
"As meninas que gostam do Lucas fazem parte de uma classe A e B e têm um poder aquisitivo maior. Elas não gostam de um funk batidão, por exemplo. Se ele viesse com um funk mais pesado, ia cativar um outro tipo de público e perder o que ele já tinha", explicou ele, que enfatiza que "tem muito cuidado para as músicas não terem duplo sentido".

Ao lado de seus pais, Lucas conta que ajuda na escolha de seu repertório e que têm o intuito de fazer canções como Justin Bieber. Seu pai disse que se depender das fãs isso será possível: "No SBT, ele era o ator de 'Carrossel' que recebia mais cartas e era o mais chamado para fazer shows e eventos fora". Somente em 2013, o garoto chegou a fazer mais de 20 shows por mês.

Com todos esses trabalhos, Lucas conseguiu comprar dois apartamentos no valor de R$ 800 mil – de acordo com seu pai.  "Ele já fez seu pé de meia", disse Jefferson. Mas o garotinho quer mais. Seu sonho é virar apresentador de TV conciliando com a carreira musical.

"Quero ser como Rodrigo Faro. Ele começou como cantor, ator e, hoje, se tornou apresentador", contou ele, que tem o apoio dos diretores e professores de seu colégio – localizado na Zona Leste de São Paulo – para realizar seus sonhos.

"Aprendi que o artista tem ser 'Bombril'. Tem que atuar, dançar, cantar, falar bem o português. Tem que ter mil e uma utilidades", finalizou Lucas, que voltará ao teatro ainda neste ano com a peça "Os Maiores Tesouros do Brasil".

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...